Quarta, 24 de Julho de 2024
23°

Tempo limpo

Teresina, PI

Cidades Professora é morta

Professora é morta por vizinhos após negar compartilhar senha de Wi-Fi

Professora é morta por vizinhos após negar compartilhar senha de Wi-Fi

26/06/2024 às 11h25
Por: Redação
Compartilhe:
Professora é morta por vizinhos após negar compartilhar senha de Wi-Fi
Professora é morta por vizinhos após negar compartilhar senha de Wi-Fi

Morta por um casal após negar a senha da rede wi-fi de sua casa, em Conceição do Araguaia, no Pará, a professora Clebiana Corrêa Silva, de 41 anos, era amiga da autora do crime, identificada como Ivane da Silva Sousa e do marido dela, Manoel Edilson Flavio da Silva. A vítima era vizinha do casal há aproximadamente dois anos, segundo a Polícia Civil.

A professora foi morta com um único golpe de faca na região do tórax, após uma discussão com Ivane e Manoel na tarde deste domingo. Clebiana, que tinha relação próxima com os autores do crime, havia trocado recentemente a senha de sua rede wi-fi. Segundo o delegado Diógenes Melo, responsável pela apuração do caso, o casal era constantemente ajudado pela vítima.

— Ela era amiga da mulher que acabou ceifando a vida dela, e acabava fornecendo alguns mantimentos para essa vizinha, como água e a própria senha do Wi-Fi. Só que como essa situação começou a ficar insustentável. A Clebiana acabou trocando a senha e se recusou a fornecê-la para a vizinha — explica o delegado.

O crime

A decisão de Clebiana despertou “fúria” no casal, segundo Diógenes, e eles resolveram matá-la após a discussão do último domingo. Para cometer o crime, Manoel segurou a vítima, e Ivane foi a responsável pela facada que matou a professora.

De acordo com o delegado, Ivane foi presa em flagrante, logo após o crime. Já Manoel conseguiu fugir, mas foi capturado no dia seguinte.

— Nesse momento, eles estão na delegacia de Conceição do Araguaia, aguardando para ser realizada a audiência de custódia. Depois eles vão ser transferidos para o presídio de Marabá — diz Diógenes.

Ivane e Manoel já tiveram problemas com outros vizinhos e se envolveram em discussões, além de serem considerados um casal “problemático” na região.

Além disso, Manoel já tinha passagem pela polícia, pelo crime de lesão corporal no contexto de violência doméstica contra a própria mulher e autora do assassinato de Clebiana.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias